Uma obra de Picasso e outra de Mondrian são encontradas!


Há aproximadamente uma década ocorria um assalto à Galeria Nacional da Grécia, em Atenas. Entre as valiosíssimas obras roubadas, a mais relevante era uma tela do pintor cubista Pablo Picasso intitulada "Cabeça de Mulher (1938)".

A ministra da cultura Lina Mendoni, falou sobre o significado particularmente especial para o povo grego:


"Tem uma dedicatória escrita à mão pelo próprio Picasso, que oferece o quadro ao povo grego, como reconhecimento pela luta contra os nazis e contra as potências do eixo na Segunda Guerra Mundial", explica Lina.


O obra foi encontrada há 45 quilómetros de Atenas. As autoridades recuperaram também o "Moinho 1905", pintado pelo icônico Piet Mondrian.

Gostou deste conteúdo? Acompanhe mais sobre arte no nosso canal do Youtube