top of page

Arte em Tempos de Coronavírus

Em tempos de Coronavírus e reclusão social, não faltam artistas colocando toda sua criatividade para funcionar e expressando através de seus trabalhos o que eles e muitos de nós estão sentindo e observando.

Bansky criou uma instalação em sua própria casa e trouxe para a cena seu já famosos ratos. Segundo o artista anônimo, sua mulher odeia quando ele trabalha em casa.



O brasileiro Eduardo Kobra criou um mural inspirado na necessidade de união entre todos os povos, raças e credos. E esse mural virou serigrafia e faz parte de uma iniciativa super bacana de arrecadação.



Abaixo você confere mais obras criadas mundo a fora inspirados pelos cuidados contra o Covid-19.




O grafiteiro Bram De Ceurt trabalha no desenho de uma enfermeira protegida contra o coronavírus com uma máscara na Antuérpia, Bélgica — Foto: Virginia Mayo/AP
Mural pelo grafiteiro Bram De Ceurt na Antuérpia, Bélgica — Foto: Virginia Mayo/AP

Mural pelo  grupo senegalês de grafite RBS Crew, em um centro universitário de Dakar, no Senegal — Foto: Seyllou/Reuters
Mural pelo grupo senegalês de grafite RBS Crew, em um centro universitário de Dakar, no Senegal — Foto: Seyllou/Reuters

Mural do artista C215 em um muro de Ivry-sur-Seine, perto de Paris, na França — Foto: Christophe Ena/AP
Mural do artista C215 em um muro de Ivry-sur-Seine, perto de Paris, na França — Foto: Christophe Ena/AP

Mural do artista de rua Rebel Bear em Glasgow, na Escócia — Foto: Andrew Milligan/PA via AP
Mural do artista de rua Rebel Bear em Glasgow, na Escócia — Foto: Andrew Milligan/PA via AP

Gollum, da série de livros e filmes 'Senhor dos Anéis', segurando um rolo de papel higiênico e chamando-o de 'Meu precioso' (em alemão).Berlim, na Alemanha — Foto: Annegret Hilse/Reuters
Gollum segurando um rolo de papel higiênico e chamando-o de 'Meu precioso' (em alemão).Berlim, na Alemanha — Foto: Annegret Hilse/Reuters

Grafite em Mumbai, na Índia. — Foto: Indranil Mukherjee/AFP
Grafite em Mumbai, na Índia. — Foto: Indranil Mukherjee/AFP

O artista Lynx Alexander é observado no terminal de trem Grand Central usando uma máscara bem artistíca — Foto: Dia Dipasupil/Getty Images via AFP
O artista Lynx Alexander é observado no terminal de trem Grand Central usando uma máscara bem artistíca — Foto: Dia Dipasupil/Getty Images via AFP

Além de ser tema para diferentes manifestações artísticas, o Coronavírus inspirou a criação de museu. Isso mesmo, o CAM - The Covid Art Museum, é o primeiro museu criado durante a quarentena devido ao Covid-19, e possui o intuito de divulgar as criações de diferentes artistas durante esse período. É possível submeter seu trabalho para análise através deste link. Abaixo separamos alguns dos trabalhos mais legais que podem ser encontrados no Instagram do CAM.















Opmerkingen


bottom of page