Rua Dr. Ricardo Stumhoffel, 120, Centro,

Gramado, RS

054 3878 3723

Alma Silvestre

Exposição Alma Silvestre promove a conversa entre a Arte e o Meio Ambiente na Galeria Arte12b

28/06/2019

No dia 28 de junho, próxima sexta-feira, a galeria Arte12b apresenta ao público a artista, de talento emergente, Marília Klein e sua exposição "Alma Silvestre".

A artista busca criar suas peças a partir do olhar dos animais, resgatando, assim, o vínculo com a natureza e despertando as pessoas para a causa animal e aos danos que vem sendo causados ao ecossistema.

Seu trabalho reflete a essência de Marília e a sua conexão com o meio animal, no qual a fauna do sul do Brasil assume o protagonismo, em forma de escultura apresentada de forma autêntica – e também em aquarela.

Em consonância com o mês dedicado a repensar nossa relação com o meio ambiente, divulgar o trabalho de uma artista que tem na natureza sua principal inspiração, e que abraça e leva a causa animal para suas obras, se faz necessário.

Mais um evento para movimentar a cena artística de Gramado.

Sobre a artista

Natural de Santa Cruz, Marília Klein possui contato com escultura desde os 10 anos, quando iniciou seus estudos no curso de extensão em cerâmica da UNISC. Após a graduação em Design de Produto pela UFRGS, a artista se desviou do caminho da arte, até reencontra-la em 2016, quando a paixão pela argila e aquarela falaram mais alto.

Além da mudança de carreira, 2016 marca, também, a primeira exposição individual de Marília, e o workshop com a artista mestre em escultura animal Nick Mackman, realizado no interior da Inglaterra.

​Em seus trabalhos, nos quais a artista prima por representar os animas da nossa fauna nacional, é possível ver sua experimentação com diversas cores e nuances, que são resultado da cor das próprias argilas - extraídas de diferentes locais -, e da mistura de alguns óxidos e vidrados.

Sobre o processo de criação das esculturas

Para sua nova exposição que terá a Galeria Arte12b em Gramado como casa, a artista buscou experimentar novas técnicas explorando diversas variedades de argila como argila de Portão, Palhoça e de São Paulo.

Todas as peças - já construídas ocas - levam de 4 a 8 horas para serem modeladas. Após a secagem, que leva aproximadamente uma semana, as obras são queimadas - processo feito pela própria artista em seu atelier. O forno alcança a faixa de 1080°C e leva dois dias para ser finalizado.

Ficou curioso para saber mais sobre o processo de criação das esculturas? A Marília explicou tudo para a agente. Confira abaixo.